Serviços Americanos de Preservação e Suporte à Adoção

Os serviços de preservação e suporte à adoção, comumente conhecidos como suporte “pós-adotivo”, é de suma importância para o processo de integração e ajuste das novas famílias formadas por pais e filhos adotivos.

O governo americano disponibiliza uma série de programas de educação, informação, aconselhamento, e terapia. Disponibiliza igualmente uma rede de suporte para pais e filhos a fim de amenizar os impactos sofridos pela família e transpor os desafios encontrados ao longo da vida das famílias adotivas. Veja aqui a assistência governamental dividida por estado americano: www.childwelfare.gov/topics/adoption/adopt-assistance/

Na realidade, este suporte começa antes mesmo da adoção se concretizar. É feita uma boa preparação das famílias adotivas para que estejam cientes, o máximo possível, para o processo de adoção e seus desafios.

Como muitas das crianças adotadas sofrem com abuso, privação, rejeição, negligência e institucionalização desde muito novas, o governo americano fornece suporte para os pais adotivos saberem lidar com estas situações de trauma e desligamento das crianças adotadas. Para as crianças, o suporte é feito a fim de auxiliá-las a encontrar sua identidade e passar pelo luto das perdas sucessivas. Veja aqui assitência e benefícios para crianças e cuidadores: https://www.usa.gov/child-care

Profissionais gabaritados fazem a ponte entre pais adotivos e serviços especializados em clínicas espalhadas por todo os Estados Unidos de onde poderão receber ajuda emocional e médica, e em alguns casos até auxílio
material para equipamentos ou tratamentos para suas crianças.

Verifique aqui quem tem direito a receber benefícios do governo americano? https://www.benefits.gov/benefit/822. Os pais podem contar
também com uma linha direta – hot line – 24 horas por dia para assuntos urgentes e programas na internet de mídias sociais e aplicantivos de grupos de auxílio à adoção.

Com o objetivo de salvaguardar e manter as famílias emocionalmente saudáveis, existem programas governamentais específicos de suporte para crianças adotadas no exterior. Geralmente são marcados encontros entre
famílias onde é possível a troca de informações e situações vividas por outros grupos familiares que adotaram do mesmo país ou em situações e
experiências semelhantes.

Para obter mais informações, visite também o site da Adoção Internacional do Escritório dos Assuntos da Criança